Seja bem vindo ao site "Cozinha Lucrativa". Cadastre seu e-mail abaixo e clique em "Submit" para receber todas as nossas receitas, dicas e promoções. Faça & Venda - GANHE DINHEIRO NA COZINHA

26 de dez de 2016

- Ele vende Bolos a R$ 10,00 e conta os Ingredientes do Negócio -

O pernambucano Joel Pereira, 44 anos, diz que sempre teve vocação para o comércio. De vendedor de lentes oculares, a dono de confecção, ele encontrou na arte de fazer bolos a mudança de vida. Uma dose de experiência, organização e muito trabalho fizeram de Joel um ‘case’ de sucesso.
Há três anos ele chegava em Manaus com R$ 5 no bolso, decidido a montar uma loja de roupas. Mas o negócio não deu mais certo e então o comerciante teve um insight: vender bolos caseiros. A ideia que começou a um ano e meio veio do Recife, terra de Joel, onde bolo caseiro já virou tradição. A produção começou com apenas 10 unidades por dia. Ele e sua mulher que botavam a mão na massa.
“Iniciamos vendendo 10 bolos. Hoje temos capacidade diária para 2 mil bolos e agora vai aumentar para 4 mil bolos por dia”, explicou. O faturamento já é empresa de médio porte.
A produção e as vendas da Aiqbom contam com 40 funcionários, distribuídos em três lojas: Parque 10 Mall, Avenida Das Torres e Avenida Tancredo Neves. Mas Joel sonha em chegar muito mais longe. “Meu sonho é ter uma Aiqbom em todas as zonas da cidade”.
O empresário conta que dá, sim, pra faturar vendendo bolo caseiro a R$ 10. O diferencial: oferecer preço acessível e produto de qualidade. A margem de lucro por unidade é pequena, mas ele ganha no volume.  “Negócio é tudo igual. O que diferencia é sua conduta dentro dele”, ressalta o empresário.
Uma das vantagens para o negócio é que Aiqbom só vende à vista - seja no dinheiro ou no débito. Outra estratégia do negócio é oferecer e agilidade ao cliente que vai à loja. Comprar um bolo para o café da manhã ou para o lanche da tarde pode levar em menos de cinco minutos, conta o empresário. Esse é o tempo que ele calcula entre o cliente pedir, efetuar o pagamento e sair da loja com o produto.
.
Planos ousados
Seus planos são ambiciosos. Joel investiu R$ 500 mil para abrir a terceira loja, inaugurada há uma semana na rua Tancredo Neves. No mês que vem ele inaugura outra unidade no shopping Via Norte. O negócio tem dado tão certo que o modelo em breve vai ser exportado para seu lugar de origem. Joel vai abrir uma filial da Aiqbom no Recife.
.
Investir em qualidade
Mais do acertar nos ingredientes para fazer um bolo saboroso: A receita está na estratégia de negócios. Ou seja, fornecedores confiáveis, maquinário moderno, capital de giro reinvestido. E o segredo do sabor caseiro? “Ser fiel à receita, usando as mesmas marcas de ingredientes e os mesmos fornecedores”, responde o empresário.
Joel ainda ressalta que não usa essência em suas receitas. “Não uso essência nem massa pronta. Você vai comer um bolo de maracujá da própria fruta, por exemplo”. A Aiqbom produz 12 sabores de bolos, entre eles mesclado, formigueiro, chocolate, cenoura, limão, laranja, maracujá, coco, milho e macaxeira - os mais pedidos. A concorrência também não assusta: “Eu não considero como concorrentes essas outras lojas que vendem bolos de R$ 10: minha experiência como comerciante fez a diferença”, conta.
.
Você pode, como Joel, começar um negócio de BOLOS CASEIROS
e mudar de vida literalmente. Clique no link abaixo e adquira o

Curso Digital Faça & Venda BOLOS CASEIROS




Lojas da Aiqbom
Parque Dez Mall
Shopping Parque Dez Mall
Tel: (92) 3085-1048

Tancredo Neves
Av. Tancredo Neves, 950, Parque Dez (depois do supermercado Veneza)
Tel: (92) 98142-8409

Avenida das Torres
Av. das Torres, Parque das Laranjeiras
Tel: (92) 99385-7425

(Créditos da Matéria -  http://www.acritica.com/channels/cotidiano/news/sabor-e-qualidade-dos-bolos-caseiros-e-a-receita-do-sucesso )

CLIQUE NA IMAGEM E ADQUIRA O SEU - CURSOS DIGITAIS PARA QUEM TRABALHA EM CASA

ÚLTIMAS POSTAGENS - Clique nas imagens para ler.

Imagens e Receitas

Grande parte das imagens e receitas deste blog foram encontradas na internet, portanto, tem domínio público. Mas, se, porventura, mesmo com os devidos créditos publicados, ou seja, com a fonte de onde foi retirada imagem ou receita, e alguém reconhecer como sua propriedade, por favor entre em contato comigo para que sejam dados os créditos verídicos ou que seja retirado o conteúdo. Da mesma maneira que informo isso com gentileza, dirija-se a mim também da mesma forma para que tudo seja resolvido com harmonia e educação e que tudo fique bem para ambas as partes. Obrigada.

Mell Santos